Todos nós, ou grande parte de nós já passamos por situações em que fomos sair a noite, bebemos um pouco de mais e no dia seguinte acordamos com a sensação que fomos atropelados por um camião. Se por acaso nunca passaste por isso, tens muita sorte. Atrevo-me até a dizer que esta talvez seja a pior parte de uma noite longa com os amigo.

Como costumamos dizer em Portugal: “Elas não matam mas moem!”

Mas agora pensa lá comigo, já pensaste se fosse possível beber até ficarmos “alegres” e desinibidos mas sem ter de passar pelo massacre do dia seguinte? É sem dúvida o grande sonho de muitos, como eu por exemplo, que com o passar do tempo, já não fico uma dia de ressaca, mas uns três dias a recuperar sem força e energia para nada!

Há alguns anos que os cientistas trabalham nesse sentido, e que estão a tentar desenvolver uma bebida sintética que imite os efeitos da bebida, ao ponto de ficarmos desinibidos e bem dispostos, mas sem os efeitos colaterais que já são conhecidos por todos, seja por experiência própria ou não.

Sei que isto pode parecer uma coisa inacreditável, mas na verdade a bebida até já existe mas ainda não está no mercado.

No entanto o professor, David Nutt, a pessoas que está por de trás desta invenção, está a tentar de tudo para conseguir colocar esta bebida acessível a todos.

Tudo isto começou em 1983, quando Nutt ainda estava a fazer o seu doutoramento sobre os efeitos da bebida no cérebro. Aliado a isto ele descobriu um antídoto contra o álcool para poder reverter o estado de embriaguez. Na verdade esta descoberta não seria segura para uso cliníco quando a pessoa tomasse sóbria, podendo provocar convulsões. Mas ele continuou a sua luta e pensou em estimular o receptor Gaba, o mesmo do álcool, sem causar efeitos secundários indesejados.

Nutt afirma: “O que eu estou a tentar oferecer às pessoas é algo que permite aproveitar aquilo que a bebida nos fornece de bom e muito menos prejudicial. Essa é a ambição”.

Alcosynth, assim denominada a bebida que Nutt criou, segundo ele permite então juntar o útil ao agradável, ao beber a pessoa sente-se animada como se bebesse algo com álcool, mas na verdade não chegas a um estado de embriaguez total e no dia seguinte não sentes muito mais do que algum cansaço (isto se passares a noite a dançar).

Afinal como funciona Alcosynth?

Na verdade trata-se de uma bebida sintética, como já referi anteriormente, e segundo o professor ela foi projectada para imitar todos os efeitos positivos da bebida diminuindo drasticamente os danos causados no fígado e a perda de controlo.

Um dos compostos da bebida é a benzodiazepina, normalmente usada para tratar os transtornos de ansiedade, mas que não causa qualquer dependência, acabando assim então com a famosa ressaca, que basicamente é causada pela abstinência.

Vai reduzir também aquela sensação de boca seca que te faz beber água como uma camelo no deserto, as náuseas, tonturas e aquela dor de cabeça que mais parece que levaste com um taco de basebol. Portanto é perfeito para aqueles que gostam de beber uns copos com os amigos mas que ficam com medo do dia(s) seguinte(s).

Mas como tudo tem de ser feito dentro das normas e estamos a lidar com muitas vidas, a bebida ainda aguarda aprovação nos testes de segurança e embora até já tenha sido consumida por algumas pessoas misturada com sumos de fruta, na verdade ela tem um sabor horrível.

Na verdade Nutt não foi o único a tentar inventar esta bebida, por isso, embora se acredite que ainda vai levar uns bons anos a chegar ao mercado, mais tarde ou mais cedo há certeza que realmente todas as pessoas terão acesso.

Até bebam com moderação, e aproveitem a vida da melhor maneira mas sempre com responsabilidade!

Por: thesun.co.uk

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS